Posso Ajudar?

Ver Mais conteúdos

Planejamento Financeiro em tempos de incerteza: o que as empresas de tecnologia devem fazer?

Publicado em 10.06.2020

Planejamento Financeiro em tempos de incerteza: o que as empresas de tecnologia devem fazer?

O renomado investidor Warren Buffet tem duas regras muito conhecidas no mundo dos negócios, Regra número 1: Nunca perca dinheiro; Regra número 2: não esqueça da regra número 1.

Para as Empresas de Tecnologia que revolucionam o Mercado nos últimos anos, e como toda companhia, o Planejamento Financeiro deve ser algo primordial – inclusive pelo fato de serem gastos muitos recursos no próprio empreendimento para qualificar, cada vez mais, o produto e/ou serviço desenvolvido.

E a grande pergunta é: como manter uma escalabilidade sem correr riscos de perder dinheiro em tempos de crise?

Essa não é uma pergunta fácil de se responder, menos ainda em um momento tão inusitado como o que estamos vivendo com o Coronavírus (Covid-19).

O cenário econômico mudou, medidas governamentais drásticas tiveram de ser tomadas e impactaram diretamente o dia-a-dia de todo o Mercado, de forma que a luz vermelha da famosa “reserva de emergência” – quando ela existe – foi rapidamente acionada.

Diante desse momento tão delicado, nossa equipe especializada preparou especialmente para os empreendedores algumas dicas para se manter firme enquanto a tempestade não vira calmaria:

METAS REALISTAS E INOVAÇÃO

Companhias tradicionais estão falando em “reinventar-se”, enquanto as empresas de tecnologia já nasceram com essa mentalidade inserida em seu DNA. Por isso, esse é o momento de jamais esquecer desse valor e continuar inovando.

Talvez para muitos, passado o carnaval, o ano estivesse finalmente começado, com as metas e objetivos (OKRs) prontos para serem atingidos e superados, porém, diante dessa reviravolta inusitada, precisamos colocar os pés no chão e perceber que talvez alguns pontos precisem ser repensados.

Entender as perdas e a atual realidade dos clientes nesse momento, adaptando-se para conseguir manter o seu produto/serviço e, ao mesmo tempo, criar novos produtos para atender melhor o seu cliente ou novos clientes.

Manter a cabeça fria, nesse momento de histeria, e agir racionalmente são fundamentos essenciais para tomar as melhores decisões, de maneira a repensar as estratégias traçadas e, assim, formular as melhores ações para alcançar os resultados desejados.

CORTE GASTOS DESNECESSÁRIOS

De toda crise podemos tirar grandes ensinamentos, e o principal deles é: como cortar despesas sem perder a qualidade do produto/serviço oferecido?

Essa pergunta traz a necessidade de observarmos a operação como um todo. É preciso avaliar os custos e benefícios de cada peça do quebra-cabeças, desde os fornecedores, prestadores de serviços, plataformas utilizadas até colaboradores.

Questione-se, todos os serviços que você contratou entregam os resultados esperados ou será que existem outros que podem atender melhor as suas necessidades ou por um custo menor?

Inclusive, vale uma atenção especial aos colaboradores, em tempos de quarentena, algumas modalidades de trabalho surgem como solução, a exemplo do “home office”. Essa ação simples pode lhe proporcionar ganhos em relação ao tempo de deslocamento, além de redução de custos com vale transporte. Para saber mais sobre home office acesse nosso post.

Além disso, a Harvard Business School realizou uma pesquisa que afirma que o trabalho exercido fora do escritório é mais produtivo do que o desempenhado dentro dele –, mas claro precisamos analisar cada caso, ter metas e objetivos claros, bem como engajar os colaboradores e mantê-los sempre ativos.

FIQUE ATENTO ÀS MUDANÇAS

O Governo tem tomado várias medidas para tentar mitigar os impactos gerados pelo Coronavírus na economia, por isso, é de grande valor estar atento às notícias para tirar o melhor proveito das ações que possam ser benéficas para a empresa.

Uma das atitudes tomadas é a Medida Provisória 927, a qual regulamenta a questão das relações trabalhistas. Sobre essa MP, realizamos um artigo que pode auxiliar na melhor compreensão do que foi determinado.

Por fim, realizamos um levantamento das principais iniciativas do Governo Federal e do Governo do Estado de Santa Catarina para que os empreendedores analisem e vejam em quais benefícios suas empresas podem se enquadrar e como utilizá-los.

Para acessá-lo pressione “Medidas Financeiras”

Ficou com alguma dúvida? 

Caso tenha ficado qualquer dúvida, basta nos encaminhar uma mensagem diretamente no site ou através das nossas redes socais. Estamos disponíveis para auxiliar você nessa fase difícil de combate ao coronavírus.

Escrito por